Home » Bem Estar Exercícios Físicos » Exercícios para gestantes

Exercícios para gestantes

Praticar atividades físicas durante a gravidez, pode amenizar os desconfortos causados pelas alterações anatômicas, fisiológicas...

exercicios para gestantes

Praticar atividades físicas durante a gravidez, pode amenizar os desconfortos causados pelas alterações anatômicas, fisiológicas e bioquímicas que o organismo feminino passa. E contrariando o que se diz, as gestantes podem fazer exercícios físicos, mas somente partir do 3º mês. Esta medida de segurança é utilizada para minimizar os riscos de má formação fetal gerada por esforços excessivos, já que no 1º trimestre, ocorre a formação do sistema nervoso.

E caso a gestante seja sedentária antes da gravidez, ou tenha sangramentos, placenta baixa, trabalho de parto prematuro, ou alguma outra restrição médica é recomendado evitar os exercícios para não causar complicações futuras.

A prática dos exercícios físicos durante e após a gestação pode amenizar algumas das principais alterações anatômicas e metabólicas no corpo feminino, veja abaixo quais são elas:

  1. Distenção abdominal, provocando aumento da curvatura lombar, dores nas costas e distenção da pele;
  2. Deslocamento do centro de gravidade, causando desequilíbrios e risco de quedas devido ao peso da barriga;
  3. Sobrecarga nos quadris, joelhos e tornozelos devido ao aumento de peso e alargamento do quadril;
  4. Diminuição da resistência e condicionamento físico tornando a gestante mais ofegante;
  5. Aumento da pressão arterial, acarretando má circulação e retenção de líquidos, resultando no inchaço de pernas e pés;
  6. Presença ou não de Diabetes gestacional (aumento excessivo da glicose sanguínea).

Benefícios dos exercícios para gestantes

Os exercícios para gestantes proporcionam uma qualidade de vida melhor durante e após o período da gravides. Confira alguns dos benefícios:

  1. Melhora da mobilidade para realizar as tarefas do cotidiano;
  2.  Melhora da circulação sanguínea;
  3. Melhora do funcionamento intestinal;
  4. Melhora do equilíbrio e da postura, amenizando as dores nas costas;
  5. Facilitação da passagem do bebê no caso de parto normal;
  6. Melhora da resistência músculo-articular para suportar o aumento de peso;
  7. Evita o sobrepeso no bebê e na gestante além do recomendado (12kg no total da gestação) e;
  8. Melhora da auto-estima e bem estar geral.

Qual exercício devo fazer após o 3º mês?

Os mais indicados são os com menos impacto como a hidroginástica, musculação com pouca sobrecarga, caminhada moderada, ginástica localizada e alongamento. A duração deverá ser de 30 a 60 minutos, 3 a 5x por semana, de acordo com o bem-estar da gestante.

Principais restrições antes de começar:

  1.  A gestante só poderá iniciar ou reiniciar a prática com o aval e atestado médico;
  2. Não priorizar a melhora significativa do condicionamento físico, pois neste período, a gestante encontra-se mais ofegante e cansada;
  3. Priorizar a segurança e o conforto da gestante;
  4. Os exercícios não poderão gerar desequilíbrio ou falta de estabilidade;
  5. Utilizar sobrecarga moderada;
  6. Para evitar dores nas costas, o fortalecimento e alongamento da região lombar são fundamentais.
  7. Para membros inferiores (glúteos, coxas e panturrilhas), não utilizar aparelhos ou exercícios que comprimam o abdômen, tais como: agachamentos, leg press, exercícios em decúbito ventral (barriga para baixo) como a mesa flexora por exemplo;
  8. Para membros superiores, priorizar os exercícios de pé com halteres, afim de não haver limitação de espaço para barriga como pode haver nos aparelhos;
  9. Os mais indicados para membros inferiores são: cadeira extensora, glúteos em decúbito lateral (de lado) e em decúbito dorsal (barriga para cima) como a elevação de quadril, flexão de joelho em pé com caneleira e apoio das mãos, para trabalhar os posteriores de coxa e panturrilha em pé utilizando step ou um degrau;
  10. Os abdominais, ao contrário do que muitos pensam, devem ser trabalhados para amenizar a distenção abdominal, tanto dos músculos como da pele. Eles deverão ser realizados a favor da gravidade, ou seja, num plano inclinado com a cabeça e tronco mais elevados que o abdômen e realizar somente a flexão parcial do tronco;

 

AUTORA Profa. Esp. Paula Fortes
CREF: 014132/G-RJ

Pós-graduada em Musculação e Personal Trainer, 13 anos de experiência no Brasil (RJ/RS), Portugal, Dubai, Irã e Costa Rica.
http://paulinhapersonal.blog.terra.com.br

eBook Gratuito - Engordei Depois...

2 Comentários para Exercícios para gestantes

  1. [...] obstétricas, maior controle do ganho de peso da mãe, melhora no condicionamento físico,os exercícios para gestantes também atuação no estado psicológico e social, e diminuem a possibilidade depressão e do [...]

  2. Marco disse:

    Parabéns pelo artigo! Sucesso! Bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>